Como Melhorar o Seu Inglês para o Sucesso Acadêmico


Procurar um curso de Inglês (ESL)

Sobrecarregado de livros, das anotações da palestra do dia anterior e de tarefas escolares, mais de 740.000 alunos estrangeiros colocam suas mochilas nos ombros, e se juntam às multidões de alunos nos campus universitários americanos. Apesar de todos esses alunos internacionais terem sido aceitos em cursos de graduação e de pós-graduação nos Estados Unidos, nem todos chegam igualmente preparados para poder participar e aproveitar plenamente de seus cursos.

A maioria dos alunos internacionais nunca frequentaram uma sala de aula como a dos americanos, onde as expectativas de desempenho e, até mesmo o comportamento diário, podem ser significamente diferentes das salas de aulas de seus países. Por exemplo, na maioria das universidades americanas é muito comum chamar o professor pelo primeiro nome e sentar-se em um semicírculo ou mesa redonda para discussões e debates. Espera-se que os alunos participem, respondam e façam perguntas e expliquem suas opiniões de maneira informal … em inglês.

Sem essa exposição, muitos alunos estrangeiros têm dificuldades de se ajustar às expectativas de um ambiente acadêmico americano. Eles poderão ter uma participação limitada, tornando difícil a tarefa dos professores de avaliar seu conhecimento, em comparação com os alunos americanos.

Os cursos intensivos de inglês (IEP, Intensive English Program) melhoram significamente as possibilidades de sucesso acadêmico dos alunos cuja língua materna não seja o inglês. Por isso, muitos alunos estrangeiros que já foram aceitos pela universidade de sua escolha, passam alguns meses em um curso de inglês antes de entrar no curso acadêmico propriamente dito. Um estudante que decidiu fazer um curso de inglês preparatório para estudos de pós-graduação, disse: “No meu caso particular, uma das razões pelas quais eu escolhi a NESE (The New England School of English) entre outras instituições, foi porque ela prepara seus alunos para a universidade”.

Esse aluno e muitos outros sabem que a valiosa experiência de comunicação e o conhecimento da cultura dos EUA, é essencial para aproveitar ao máximo o curso acadêmico na universidade. A transição a um curso superior é muito mais suave do que para aqueles que não tiveram essa preparação.

Cursos Intensivos de Língua Inglesa

As salas de aulas dos cursos de inglês intensivo tendem a ser menores, sendo a maioria com menos de 15 alunos por turma, o que faz uma grande diferença no aprendizado. O aluno se sentirá mais à vontade em falar inglês. Turmas menores proporcionam aos professores a oportunidade e tempo de ajudar os alunos a falar mais fluentemente e mais corretamente.

Nesses cursos de imersão, você falará e ouvirá em inglês mesmo quando estiver aprendendo uma estrutura gramatical. Seus professores terão inúmeras oportunidades de corrigir o seu sotaque e ajudar a polir sua pronúncia. Uma boa pronúncia é extremamente importante para ser entendido por seus futuros colegas e professores.

Você será encorajado a falar de uma maneira que pareça natural aos seu colegas, por exemplo, ao expressar suas opiniões durante uma discussão na sala de aula. Isso vai ajudá-lo a identificar as diferenças particulares entre o inglês formal escrito e o inglês falado.

Obviamente, ter sucesso acadêmico é muito importante. Afinal, é para isso que você quer estudar nos EUA. Ao viver nos EUA, você terá inúmeras oportunidades de fazer amigos, ter novas experiências e lições de vida. As escolas de língua inglesa te proporcionam também a preparação que, para muitos, pode significar a diferença entre estar totalmente imerso no ambiente acadêmico, ou simplesmente permanecer com alunos da mesma nacionalidade.

Com a prática das habilidades de falar e ouvir, necessárias para a vida cotidiana, você terá menos medo de cometer erros e se tornará mais disposto para conversar com pessoas fora do ambiente escolar. Quanto mais familiarizado com a língua, mas confiante você ficará em se comunicar efetivamente em uma variedade de cenários: na sala de aula, em restaurantes, no consultório médico e transporte público.

Os cursos intensivos de inglês proporcionam um ótima oportunidade de melhorar o idioma e fazem com que a transição aos cursos universitários seja mais fácil e mais agradável. Ao entrar no curso acadêmico propriamente dito, você se sentirá mais à vontade nos primeiros dias e o seu processo de adaptação a um novo curso, à novas exigências acadêmicas e a novos amigos, será muito mais tranquilo. Um ex-aluno da New England School of English (NESE) e atual candidato a um curso de PhD na Universidade de Michigan, disse:

“As aulas são divertidas pois são adaptadas às necessidades dos alunos. Debatemos, rimos e aprendemos muito.”

Com uma base sólida em inglês, você aproveitará mais as suas aulas universitárias, melhorá suas chances de sucesso acadêmico e será mais fácil de fazer amigos.

The New England School of English (A Escola de Inglês da Nova Inglaterra)

A The New England School of English (NESE) está localizada na Harvard Square, adjacente à Universidade de Harvard, em Cambridge, Massachusetts. Na NESE, alunos de mais de 50 países aprendem inglês e estão expostos à língua e cultura americana. Com um treinamento intensivo da língua inglesa e uma imersão cultural total, o alunos maximizam o aprendizado da língua.

O currículo intensivo foi desenvolvido especialmente para ajudar os alunos a alcançar suas metas acadêmicas. Além disso, são oferecidos um curso preparatório para o TOEFL ®, o teste TOEFL ® Institucional todos os meses, e um curso que prepara os alunos para a universidade.

Também disponíveis estão orientação acadêmica, serviço de colocação universitária, uma biblioteca onde os alunos poderão planejar seus estudos futuros nos Estados Unidos, e a possibilidade de admissão em uma grande variedade de universidades sem ter que fazer o TOEFL ®.

Nas horas vagas, os alunos desfrutam da riqueza cultural que a Harvard Square oferece como um dos centros estudantis mais interessantes e dinâmicos dos Estados Unidos. “The Square” (A Praça) é rodeada de lanchonetes, restaurantes, livrarias e boutiques. A poucos passos, pode-se assistir palestras, filmes, peça teatrais, concertos e ouvir música nos parques.

No inverno, os alunos vão esquiar, visitam Montreal e patinam sobre o gelo em Boston. Na primavera e verão são oferecidas várias atividades entre as quais, passeios a Nova Iorque, Washington DC e Cape Cod. Entre as mais populares estão a observação de baleias e visitas às praias locais. No outono, a NESE leva os alunos para Salem, Massachusetts para comemorar o Halloween e colher maçãs. Os alunos frequentemente visitam também as Cataratas do Niágara.

Muitos dos alunos que concluiram com sucesso o curso de inglês, foram aceitos em cursos de engenharia, administração e relações internacionais de várias universidades importantes entre as quais: a Sloan School of Management do MIT, Universidade de Harvard, Tufts, Universidade de Boston, Michigan State, Columbia e muitas das universidades dos sistemas “State University of New York” e “University of California”

SUSA_img_200x55.jpg
Baixe nossas revistas Study in the USA®

Como está o seu inglês? Faça a você mesmo as seguintes perguntas:

  • Você consegue entender o inglês quando assiste TV, filmes ou ouve música, mas tem problemas em entender falantes nativos, mesmo em interações básicas?
  • Você tem dificuldade em entender e usar verbos preposicionados e expressões idiomáticas?
  • Sua pronúncia e sotaque o fazem nervoso ao conversar em grupos?
  • Você acha seu vocabulário limitado demais para poder expressar bem suas ideias?
  • Já fez o TOEFL mas precisa de prática para se expressar em um ambiente de sala de aula americana?
  • Você consegue ler artigos e textos sofisticados mas ainda tem dificuldade na redação?